exposições

Maravilhoso Ser Urbano / artes plásticas
Com o vermelho que desenha sua versão da boneca kokeshi, Rosiane Dourado puxa seu fio e interfere, comenta e rasura a cidade do Rio de Janeiro. Suas inspirações envolvem a Linha Vermelha,
via que une bairros da cidade e passa pelo túnel Rebouças. A expressão “le fil rouge”, tem sentido de fio condutor, linha lógica e é uma alusão ao “fio de Ariadne”, utilizado pela personagem
mítica do Labirinto do Minotauro. O fio de Rosiane se enrosca, se embola, se amontoa, mostrando a possibilidade de lançar mão da poesia para uma saída do labirinto representado pelos problemas do cotidiano urbano carioca.
Curadoria: Analu Cunha

De 15/09 a 29/10
Terça a domingo
12h às 19h
Galerias do 1º andar

simbolo L