Paulo Espírito Santo assume presidência do TRF2

Publicado em 02/04/2009

O desembargador federal Paulo César Morais Espírito Santo toma posse como presidente do Tribunal Regional Federal da 2ª Região, para o biênio 2009/2011, no dia 02 de abril, às 17h, no Plenário da Corte (Rua Acre 80, centro do Rio). Paulo Espírito Santo sucederá o desembargador federal Joaquim Antônio Castro Aguiar. A eleição do novo presidente e dos demais dirigentes da Corte ocorreu na sessão plenária do último dia 5 de março. Na mesma sessão, foram designados os diretores das Seções Judiciárias do Rio de Janeiro e do Espírito Santo.

O carioca Paulo Espirito Santo tem orgulho de dizer que trabalha desde os quinze anos de idade. Mas a carga horária puxada não o impediu de prosseguir nos estudos e, em 1977, já concluía o bacharelado em Direito pela Universidade Estácio de Sá. Trabalhava durante o dia e estudava à noite. E a rotina prosseguiu mesmo depois de terminado o curso superior: em 1980, Paulo Espirito Santo ingressou na carreira docente, lecionando, como professor titular, a disciplina de Direito Processual Civil, na graduação da própria Universidade Estácio de Sá, atividade que exerceu até o início de 2009, quando requereu sua aposentadoria.

Mas a sua missão principal estava no serviço público e, em 1981, foi aprovado em segundo lugar no concurso para o Ministério Público Federal, disputando a vaga com cerca de mil candidatos do Estado do Rio de Janeiro. Chegou ao cargo de Procurador Regional da República, antes de, em 1994, ser nomeado pelo Presidente Itamar Franco para compor os quadros do TRF2, em vaga do quinto constitucional destinada ao MPF. Mas não se pense que sua atuação no Tribunal tenha começado aí. Pelo contrário, desde a instalação da Corte, em março de 1989, até o mês anterior a sua posse como desembargador federal, em fevereiro de 1995, Paulo Espirito Santo oficiara, como Procurador Regional da República, na 3ª Turma.

Paralelamente, fazendo uso de sua experiência como docente (principalmente de matéria processual civil), o magistrado tem participado de diversas bancas examinadoras, em concursos para juiz federal substituto da 2ª Região. Entre outras homenagens, Paulo Espirito Santo foi condecorado com a Ordem de Mérito Militar, no grau de Comendador (em 19 de abril de 2006, pelo Exército Brasileiro, conferido pelo presidente Luís Inácio Lula da Silva) e com a Medalha do Mérito Naval, no título Comendador (em 11 de junho 2007, por iniciativa do vice-comandante da Marinha – decreto do Presidente da República em maio de 2007).

O novo presidente do TRF2 Paulo Espirito Santo

O novo presidente do TRF2 Paulo Espirito Santo

Confira abaixo a nova composição da administração do Tribunal e da Justiça Federal fluminense e capixaba.

Presidente – Desembargador Federal Paulo César Morais Espírito Santo

Vice-Presidente – Desembargadora Federal Vera Lúcia Lima

Corregedor Geral da Justiça Federal na Segunda Região – Desembargador Federal Sergio Schwaitzer

Coordenador dos Juizados Especiais da Segunda Região – Desembargadora Federal Liliane do Espírito Santo Roriz de Almeida

Diretor Geral da Escola da Magistratura Regional Federal da Segunda Região (EMARF) – Desembargadora Federal Maria Helena Cisne

Conselho de Administração – Membros efetivos

Desembargador Federal Paulo César Morais Espírito Santo

Desembargadora Federal Vera Lúcia Lima

Desembargador Federal Sergio Schwaitzer

Desembargador Federal Salete Maria Polita Maccalóz

Desembargador Federal Guilherme Couto de Castro

Desembargador Federal Guilherme Calmon Nogueira da Gama

Diretor Geral do Centro Cultural Justiça Federal – Desembargador Federal André Ricardo Cruz Fontes

Diretor – Juiz Federal Alexandre Libonati de Abreu

Vice-Diretor – Juiz Federal Marcelo Leonardo Tavares

Diretoria do Foro da Seção Judiciária do Espírito Santo

Diretor – Juiz Federal Ricarlos Almagro Vitoriano Cunha

Vice-Diretor – Juiz Federal Alexandre Miguel